domingo, 23 de janeiro de 2011

VERÃO

           Minha estação do ano preferida é, na verdade, um mix das quatro: adoro as manhãs de outono, as tardes de primavera, as noites de verão e um livro empolgante com um bom cobertor no inverno.
         Nos últimos anos o que se via eram estações misturadas, brandas, dificilmente identificáveis. Agora já não é mais assim. Este verão está quentíssimo, de um calor melado graças à umidade e muito chuvoso. Até demais!
        Quando mais jovem, usei e abusei das minissaias e dos biquinis. Meus filhos já eram crescidos e eu ainda "me achava" nas praias, tal o assédio.
        Hoje, com bons espelhos em casa, colocados em lugares estratégicos para evitar o ridículo, aposentei os biquinis e os desfiles na areia, substituindo-os por maiôs sóbrios e caminhadas cedinho, sob o pretexto de desfrutar de um ar mais puro e poder brincar com as crianças no horário em que elas vão.
        Eu me preparei para várias coisas na vida, de modo a não ser surpreendida com as etapas que se sucedem. O que eu não esperava era uma mudança tão radical no meu corpo, com o qual sempre fui bem satisfeita. O preço de abandonar o cigarro é bem alto, ainda mais para as mulheres!
        Durante alguns anos, mesmo morando em Floripa, eu simplesmente não ia mais à praia. Não conseguia me ver naquele cenário com minhas novas formas, tão disformes.
        Neste ano, a pedido do filho e da netinha, resolvi voltar a encarar minha antiga passarela.
        Caminhando cedinho, cercada de lembranças, pude rever os arrastões, as gaivotas e até tomar um banho de chuva no melhor estilo, daqueles de encharcar até os ossos e realizar um perfeito "descarrego" na gente.
         Foi bom.


Um comentário:

Jeanne disse...

Na ultima vez que a gente se viu eu estava magra pq tinha suspendido os hormonios. Voltando aos malditos, as gordurinhas instalaram-se em festa e orgias desavergonhadas, enquanto que fico puxando a roupa aqui, encolhendo barriga ali, como se existisse um milagre!
Nunca vou acostumar com este corpo.
Aff!
:(
Beijos